Esse post faz parte de uma série de tutoriais que estão sendo postados para aumento da performance das Intruder e das Yes. verifique os topicos anteriores e faça todos os ajustes em ordem de postagem. Verifique o número que aparece no topo do tópico para saber em que parte da regulagem o post está abordando.

Equipe Intrudeiros

Passo 2 de 5.

REGULAGEM DA MISTURA DA MARCHA LENTA

Estas regulagens deve ser feitas após o afastamento do tubo, e também após acerto no nível da gasolina, se ele for necessário.


O parafuso de cima nesta foto é o da marcha-lenta. E o de baixo, é o da mistura. Inicialmente, feche totalmente este parafuso (sem forçar no final), e depois abra uma volta. Uma ferramenta improvisada para isso está na foto seguinte. Como o parafuso está de ponta cabeça, visualize como se fosse uma torneira virada para cima também, para saber para que lado girar esse parafuso.
Deve-se funcionar o motor, até a temperatura normal de funcionamento. Então, regule a rotação da marcha-lenta para 1500 rpm aproximadamente, com o farol desligado.
Vá abrindo, de meia em meia volta, o parafuso da mistura, esperando um pouco entre cada vez, e observe se a marcha-lenta começa a se elevar. No ponto onde a rotação não subir mais, volte 1/4 a meia volta. Se a rotação da lenta não diminuir, esse deve ser o ponto mais adequado da regulagem da mistura. Se ela diminuir alguma coisa, abra 1/4...
Depois disso, volte a regular a rotação da lenta em 1500 rpm, mas agora com o farol ligado. Isso é importante, porque quando ligado, o farol faz o magneto trabalhar mais, e este ofereçe resistência para o motor, que estando em marcha-lenta, perde um pouco de rotação. E regule nos 1500, sim, não menos! Uma rotação de marcha-lenta menor que isso antecipa o enfraquecimento da bateria.
Essa é uma regulagem meio "padrãozinha"... na prática, as regulagens que fiz recentemente acabaram ficando com aberturas entre 2 e 4 voltas, sendo que a mais corriqueira é 2 voltas e 3/4.
Sobre essa regulagem, uma abertura pequena do parafuso deixa a lenta instável e provoca aqueles pipoquinhos no escape, nas desacelerações.
Já uma abertura muito grande, suja a vela, aumenta o consumo e normalmente torna necessário apertar mais o parafuso da marcha lenta. Nesse caso, a própria lenta estaria trabalhando com "excesso".
Para simplificar a regulagem da mistura, pode-se adotar 2,75 voltas no parafuso de mistura da marcha-lenta (duas voltas e três quartos).
Uma chave de fenda serrada. Era uma daquelas bojudinhas. Esta tem um bom tamanho para trabalhar nos dois carburadores (VM22 e BS26)



Créditos: João Duarte

Links relacionados com essa postagem:
1 / 5 -
Macete do tubo
2 / 5 - Regulagem da marcha lenta
3 / 5 - Regulagem da posição da Agulha
4 / 5 - Nível da gasolina no carburador
5 / 5 - Corte do restritor de ar

4 comentários:

Karlytos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Salgado disse...

Muito bom esta dica!

diego dickinson disse...

Vou fazer na minha Intruder, ela morre com o motor frio, NÃO consigo nem sair na hora,.. Obrigado podia dica amigo

diego dickinson disse...

Vou fazer na minha Intruder, ela morre com o motor frio, NÃO consigo nem sair na hora,.. Obrigado podia dica amigo