18 de ago de 2008

Manutenção - Viage Seguro

Manutenção, viaje seguro. por CS CÔRTES

Salve CBZADA e Amigos motociclistas, hoje vamos falar sobre a manutenção básica da motocicleta, já estamos em Março é inicio do calendário do mundo motociclista, encontros, eventos e belas estradas pela frente, 2008 promete! Vamos viajar seguro que chegaremos ao nosso destino e principalmente retornaremos felizes, para isto é necessário uma manutenção básica em nossas motocicletas, equipamentos de segurança e pilotagem consciente.

MANUTENÇÃO BÁSICA:

PNEUS - Mantenha sempre calibrado, verifique a cada 150km, vários fatores fazem a pressão do cair, aro empenado, bico defeituoso, estradas esburacadas. A falta de manutenção dos pneus pode ser a diferença entre fazer uma curva ou passar reto nela, lembre-se disso.

ÓLEO – Em viagem de longa distancias, sua motocicleta precisará de maiores cuidados devido ao longo tempo em alto giro, o desgaste de peças e engrenagem é maior e precisará de atenção para manter todo sistema funcionando perfeitamente. A cada 400km verifique o nível do óleo, liquido de arrefecimento, tensão e lubrificação da corrente.

ELÉTRICA – Verifique setas, dianteira e traseira, farol, baixo e alto, luz de freio e lanterna traseira e lâmpadas do painel. Sempre bom ver o nível de água da bateria, para não ter susto de estragá-la.

GASOLINA - Mantenha sempre o tanque o mais cheio possível o que evita também que a bomba receba sujeira ou água. Já que a água é mais pesada que a gasolina, ela sedimenta no fundo do tanque e quando você anda muito na reserva, ela vai para o motor e começa aquela sessão "falha tudo". Se necessário reabastecer durante o percurso procure por postos grandes e de bandeiras conhecidas.

BAGAGEM - Cuidado com a disposição da bagagem e a tensão das amarras, pois elas podem se soltar durante a viagem, evite excesso de bagagem. Não use mochila nas costas, pois elas causam cansaço e "caem" nas curvas.

PARAFUSOS – Lembre-se de verificar os parafusos da carenagem, suportes e até rodas, a vibração provocada pelo motor ou asfalto afrouxam os parafusos.

EQUIPAMENTO - Jaqueta e botas apropriadas, luvas de couro, calça de couro ou calça jeans, capacete fechado, o capacete aberto é mais charmoso mas é inviável devido à chuva, insetos, poeira, pedras e pássaros, joelheira e cotovelheira.

TRALHAS – Para viagens longas lembre-se de levar algumas peças importantes sobressalentes como cabos do acelerador, freios, embreagem, fusíveis, lâmpadas para o farol, lanterna e setas, câmaras de ar sobressalentes (importante pois o reparador de câmara danifica as câmaras de ar), velas de ignição, corrente nova ou usada em bom estado.

Alguns utensílios: elástico extra para bagagem, canivete ou faca, rolo de fita isolante, um pequeno pedaço de fio e um de arame fino, lanterna pequena, um pequeno conjunto de parafusos, arruelas e porcas, roupa impermeável (importante), pequeno frasco tipo dosador com óleo de motor para lubrificar a corrente e itens de primeiro socorros.

GARUPA - Tome muito cuidado com o garupa, respeite o limite dele(a) procure levar na garupa pessoas preparadas, procure saber se o garupa esta bem durante a viagem, indague, converse, lembre-se ele(a) vai sofrer um cansaço físico maior que você.

Pilote com atenção e boas estradas.

Publicado no Informativo Moto Brasil - Edição de Março 2008
http://www.informativomotobrasil.com.br